Delta estende o bloqueio dos assentos do meio até janeiro de 2021; confira as condições

A Delta acaba de anunciar a extensão dos seus principais protocolos de saúde e segurança: o bloqueio de assentos do meio e a limitação do número de clientes por voo. De acordo com a companhia aérea, a medida será realizada até o dia 6 de janeiro de 2021.

O bloqueiro será realizado nas cabines Delta Premium Select, Delta Comfort+ e Main Cabin. Para clientes que viajam sozinhos ou acompanhados apenas por mais uma pessoa, as poltronas intermediárias serão bloqueadas por segurança. Para clientes em grupos de 3 ou mais, os assentos do meio aparecerão como disponíveis para reserva, permitindo que famílias e companheiros de viagem selecionem lugares juntos.

“Especialistas da área médica, incluindo nossos próprios parceiros da Emory Healthcare, concordam que mais distância a bordo faz a diferença. Continuaremos adotando uma abordagem cuidadosa e em diferentes níveis”, afirmou Bill Lentsch, diretor executivo de Experiência do Cliente.

Além da medida de proteção anunciada, a Delta afirmou que estará ampliando ainda o período isenção nas taxas de alteração para novos voos, adiquiridos até o dia 30 de setembro.

A empresa também continua a garantir que a ocupação de seus voos não atinja o limite da capacidade estabelecida para as operações. Assim, nas rotas realizadas até pelo menos 31 de outubro, os viajantes podem esperar que a Delta:

  • Limite o número de clientes a bordo de todas as aeronaves, com ou sem assentos do meio.
  • Limite a cabine First Class à metade da capacidade para garantir ainda mais espaço entre os clientes.
  • Bloqueie um corredor de poltronas em aviões sem assentos intermediários.

Para conferir todas as condições, acesse o site oficial da companhia aérea.