Bariloche na primavera: encante-se com as paisagens e atividades do destino nesta estação

Atividades aquáticas, excursões de catamarã e visita a cervejarias são apenas algumas das atividades que podem ser realizadas no destino durante a primavera

Bariloche é quase que uma cidade diferente em cada estação. Apesar de ser conhecida pelo seu inverno coberto de neves, o destino garante atrações ao ar livre durante todo o ano. Na primavera, por exemplo, é possível aproveitar as paisagens autênticas de Bariloche para explorar a cidade, praticar esportes e desfrutar da gastronomia em um clima agradável e com menos turistas.

Essa estação acontece entre os dias 21 de setembro a 20 de dezembro e a temperatura varia entre 7 e 20 graus no final da temporada. Atente-se na hora de fazer as malas, o ideal é dar preferência para as vestimentas casuais, confortáveis e práticas – mas não esqueça de colocar um casaco pesado para as noites mais frias, calçados para passeios nas montanhas e claro, roupa de banho para as atividades aquáticas.

Apesar de mais tranquila nesta época do ano, as atividades de aventura em Bariloche são projetadas para apreciar a natureza, mas não deixam de lado a diversão. Andar a cavalo nas estepes ou na floresta, caiaque ou canoagem são opções mais tranquilas para ver as paisagens de uma forma diferente. Porém, caso você seja mais aventureiro, você pode “voar” entre as copas das árvores, praticar canoagem ou tirolesa, ou até fazer rafting no rio Manso e rafting no rio Limay.

ATIVIDADES AQUÁTICAS

Outra opção de atividade mais tranquila é a pesca. O Parque Nacional Nahuel Huapi possui uma importante bacia de lagos e rios com costas de fácil acesso, particularmente adequada para a reprodução de espécies de grande valor esportivo, como a truta marrom e a truta arco-íris. Sua pesca é chamada de “esporte” porque apenas são usadas iscas artificiais, como moscas e colheres. Para praticá-lo, é necessário adquirir previamente uma autorização de pesca.

Existem três tipos de pesca esportiva: pesca com mosca, fiação e pesca a bordo ou pesca à linha. A pesca com mosca geralmente se desenvolve nos rios e é uma técnica que requer algum conhecimento para o lançamento das iscas. Para quem inicia a atividade, é recomendável contratar a assistência de um guia profissional. Bariloche possui ambientes propícios que atendem às expectativas de todos os pescadores esportivos, seja nas modalidades spining, fly casting ou trolling.

Ainda na água, a navegação pelo lago Nahuel Huapi é um dos passeios mais inesquecíveis do destino. O Lago é famoso por seu tamanho, belos cenários e suas águas cristalinas. A excursão permite que o visitante veleje conhecendo a extraordinária geografia e fauna a bordo de barcos modernos. Além disso, existe a possibilidade de escolher entre várias opções, como os passeios para visitar a Ilha Victoria e a Floresta de Arrayanes, Puerto Blest e cachoeira Los Cántaros ou fazer a travessia andina.

EM TERRA

Pra quem prefere terra firme, esta época do ano é uma ótima opção para andar pelo centro da cidade, por conta própria ou contratando um receptivo. Mas também é possível viajar quilômetros de paisagens e surpreender-se com vistas deslumbrantes, através do circuitos mais tradicionais para deslumbrar as colinas e os arredores da região.

Simultaneamente, uma boa pedida é explorar a gastronomia local. A cidade é especialista em cerveja artesanal, um dos principais produtos gastronômicos e turísticos de Bariloche. Com cervejarias premiadas e reconhecidas internacionalmente, é um item que já possui seu próprio distrito, sua própria rota e uma grande variedade de produtos, todos com uma impressão única.

Há quase 100 anos, a cerveja artesanal é produzida em Bariloche, onde uma verdadeira “rota da cerveja” foi formada. Existem muitos tipos e diferentes matérias-primas. Entre eles, podemos encontrar Stout, Ale, Porter, Bock e Pilsen.

VEJA FOTOS:

One Comment on “Bariloche na primavera: encante-se com as paisagens e atividades do destino nesta estação”

Comments are closed.